Último Discurso de um Verdadeiro Herói

Os museus que mais me marcaram, foram os que mexem com o meu sentido de humanidade.

Auschwitz, Memorial do Genocídio do Rwanda, Museu da Inquisição em Cartagena (Colômbia) e agora o Museu dos Direitos Humanos (ou da Memória) em Santiago do Chile que retrata um período terrível de opressão, homenageia milhares de “desaparecidos” e analisa dezenas de períodos da história onde se recorreu à memória de atrocidades. Em letras enormes lê-se #NOMAS , para que os direitos humanos sejam respeitados pelo mundo fora.

A política da América do Sul, tem sido preenchida de drama: entre ditaduras militares, socialismos extremos e jogos de interesse da CIA, não precisamos de olhar muito para trás para vermos histórias tristes de lideranças maléficas.

Salvador Allende foi o primeiro presidente socialista da América do Sul eleito democraticamente. Lutou pelos direitos do povo e por um Chile mais justo e nivelado entre classes, o que desagradou os mais ricos e sob a influência e “patrocínio” dos USA deu-se um golpe de estado.

A Marinha começou por apontar os canhões a Valparaiso, posteriormente o exército cercou todas as estruturas do estado inclusive a Casa de la Moneda onde se encontrava o presidente Salvador Allende. Foi-lhe dada a oportunidade de fuga e exílio, mas a sua resposta foi dada em directo na Radio Magallanes num discurso inspirador imperdível!

Reforçou as juras de lealdade ao povo que o elegeu, oferecendo a sua vida à causa que sempre defendeu.

A única vez que a Força Aérea Chilena esteve em combate foi para bombardear a sua própria capital e casa da presidência assassinando este herói de sempre.

Será mais culpado o que dá a ordem ou o que prime o gatilho?

Sucederam-se 17 anos de ditadura de Pinochet com crimes e atrocidades aos milhares que envergonham a humanidade.

A não perder este último discurso de um verdadeiro herói cheio de Coração que devia ser uma inspiração para todo o Mundo.

Aqui o link: https://m.youtube.com/watch?v=garqIzNZvz8

Leave a Reply